Loco Abreu culpa cultura brasileira por polêmica e nega indisciplina

Ir em baixo

Loco Abreu culpa cultura brasileira por polêmica e nega indisciplina

Mensagem por ~EdgaaR~ em Sex Set 03, 2010 3:35 am

Uma mera confusão cultural. É assim que o atacante uruguaio Loco Abreu tratou a discussão com o técnico Joel Santana durante o jogo contra o Grêmio Prudente, na quarta-feira. Segundo o jogador, o técnico interpretou mal a sua atitude de gesticular ao ser substituído por Renato Cajá, no segundo tempo da partida em Presidente Prudente.

Além de considerar normal sua atitude, apesar do clima ruim criado com o treinador e com a diretoria, Abreu lembrou o caso de Paulo Henrique Ganso, do Santos, que disse que não sairia de campo na final do Campeonato Paulista quando o técnico Dorival Júnior indicou que iria tirá-lo de campo. Joel e o uruguaio sequer conversaram depois do episódio.

- (O Joel) Não falou nada para mim. Só conversamos na situação do jogo e acabou. Não falamos mais nada depois. Não sei o que ele entendeu. Acho que ele não gostou dos gestos. Aqui no Brasil, não estão acostumados a isso. Não é nada contra ele, mas uma situação do jogo. Quando aconteceu com o Ganso, todo mundo falava que estava tudo bem, bonito, ótimo, que ele tinha personalidade para jogar. Mas tenho que aprender que é o costume de cada país. Mas foi tudo com respeito. Já fiz isso com (Manuel) Pellegrini, (Diego) Simeone, mas tem que se conhecer as pessoas. Nem todas são iguais. Se ele não gosta de falar de futebol na saída de jogo, a partir de agora não vou falar mais. Vou esperar um momento melhor para conversar – disse o atacante, citando outros treinadores com quem trabalhou.

Chegou a ser cogitada a hipótese de Loco Abreu ser multado em 20% do salário. Porém, a diretoria alvinegra ainda não definiu qual atitude será tomada. O vice de futebol André Silva, porém, não gostou do episódio.

- Ainda não tivemos tempo para nada. Não cheguei a ver o lance, mas amanhã (sexta-feira) vamos conversar. Acho apenas que o jogador não deveria gesticular. O treinador está lá para treinar e tomar as decisões. O Joel tem a nossa confiança e está no lugar certo na hora certa – disse o dirigente.

O jogador, por outro lado, acredita que não cometeu um ato de indisciplina. E por isso, não deve ser punido.

- Indisciplina é outra coisa. É não treinar, levar mulher para concentração. Isso foi situação de jogo.

Já Joel Santana, claramente incomodado com a situação, evitou comentar o assunto e confirmou que ainda não houve uma conversa com o uruguaio.

- Conversar o quê? Não tem o que conversar. Hoje (quinta) é dia de festejar a vitória. Não precisa falar muito. Nos entendemos. Aqui não tem criança, só adulto.
avatar
~EdgaaR~
Administrador
Administrador

Mensagens : 106
Pontos : 3355
Reputação : 9
Data de inscrição : 02/09/2010
Idade : 23
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://futebolclick.forumeiro.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum